GravityZone

Para fornecedores de serviços

ISP/Telco ou fornecedores de serviço em nuvem aumentam a receita e diferenciam-se ao alojarem
a consola de segurança em nuvem do Bitdefender GravityZone, oferecendo uma proteção líder

Peça uma versão de avaliação

Aumente a sua receita e diferencie-se!

Ataques cada vez mais frequentes e sofisticados causam preocupações em organizações de todos os tamanhos.

Agora é fácil adicionar segurança administrada a partir de um painel remoto na Internet aos serviços que oferece aos seus clientes empresariais ou parceiros de canal. Alojar a consola de nuvem com vários inquilinos do Centro de Controlo do GravityZone proporciona um controlo reforçado além de conformidade com os regulamentos de dados.

Ler a ficha de dados

Proteja cargas de trabalho onde quer que estejam!

À medida que os seus clientes passam de centros de processamento de dados tradicionais para uma nuvem privada, pública ou híbrida, fica mais difícil garantir políticas de segurança e visibilidade consistentes e as preocupações aumentam.

Reduza os riscos de segurança e de conformidade e visibilidade do suporte com uma única consola do GravityZone para administrar a proteção para máquinas, estejam elas em nuvens privadas, públicas ou híbridas. O Bitdefender é integrado com o AWS e proporciona uma prevenção contra ameaças otimizada para VMware, Citrix e qualquer outro hipervisor

Proteção e desempenho comprovados

Por mais de 8 anos, a Bitdefender aperfeiçoou os algoritmos de aprendizagem automática proporcionando uma segurança adaptativa em camadas de pontos finais que está sempre a liderar as classificações em termos de proteção e desempenho.

Os testes do LoginVSI demonstram que a segurança otimizada do Bitdefender tem o menor impacto nos recursos informáticos, enquanto o Bitdefender Endpoint Security ganhou o Prémio de Melhor Desempenho da AV-Test nos últimos três anos consecutivos.

Utilize o simples licenciamento mensal pré-pago!

Ao participarem no Programa de Provedor de Serviços Bitdefender, os parceiros podem utilizar produtos elegíveis e serem cobrados ao final do mês apenas pelos sistemas que foram protegidos durante aquele mês.

O modelo "pague pelo que utilizar" facilita operações e elimina a necessidade de adquirir ou alterar licenças para cada cliente.

Peça uma versão de avaliação